41

Não adianta você pensar: não quero mais ter medo!

Medo é uma emoção humana natural para a garantia da sua sobrevivência. Isso não quer dizer que o medo deva conduzir sua vida…

Ele precisa ser mantido em sua justa medida atuando, por exemplo:
⛔️ no medo de atravessar uma rodovia movimentada

⛔️ de pular de cabeça numa cachoeira que você não conhece

Mas quando ele aparece em outras situações da vida, você vai precisar ir além do medo ou ele te paralisa.

Porque essa é a especialidade do medo!

Ele pode bloquear tudo na sua vida, te deixar patinando profissionalmente, estagnar seu negócio, te impedir de viver um amor maravilhoso, pode te deixar vivendo na escassez de dinheiro e pode te adoecer…

Imagina que sua vida é um carro 🚗

Nele você é a motorista que dirige, coloca o destino no GPS, liga o rádio, escolhe a melhor trajetória e tem um passageiro que fica lá te acompanhando, no banco de trás, quietinho no lugar dele…

Esse acompanhante é o medo e esse é o lugar perfeito pra ele na sua vida!

Mas a gente sabe que muitas vezes quem tá dirigindo sua vida é o medo e não você. Muitas vezes você é refém dos seus medos, não é?

Pra mudar essa relação é importante ter consciência de que o medo faz parte da vida.

Ao invés de negar o medo, saiba que ele é uma emoção humana que tem sua função na preservação da sua vida, mas, daqui pra frente, não deixe mais o medo segurar o volante, nem ser seu GPS e nem ligar o rádio, porque ele vai direcionar sua vibração para as frequências mais baixas, vai te impedir de inovar, de crescer, de ser você.

Agora, queremos te propor uma prática que vai fazer diferença positiva na sua vida.

A partir de hoje, quando você for fazer uma escolha, quando estiver diante de uma situação importante, você vai fechar os olhos e perguntar:

➡️ Quem tá escolhendo, sou eu ou o medo?
(medo de perder, medo de não ser amada, de errar, de demissão, de não ser boa o suficiente…)

➡️ Quem tá na liderança da minha vida eu ou o medo?

Se a resposta for o medo, reúna coragem para agir além dele, peça ajuda, faça o que for preciso e retome a autoliderança.

Você não nasceu pra viver paralisada pelo medo. Você nasceu pra brilhar, acredite.